sexta-feira, 11 de maio de 2018

Comandante-Geral realiza transmissão de comando do 4º BPM durante solenidade

Ten Coronel Flávio passando o comando da UPM ao Ten Cel Barbosa
Ten Cel Flávio durante o seu discurso
(4º BPM – GURUPI) – Na manhã desta sexta-feira, 11, o Comandante Geral da Polícia Militar do Estado do Tocantins, Coronel Jaizon Veras Barbosa realizou a transmissão de comando do 4º BPM durante ato solene. Na ocasião, o Tenente-Coronel Flávio Santos Brito passou o comando da Unidade para o Tenente-Coronel Márcio Antônio Barbosa de Mendonça. A solenidade aconteceu no pátio do quartel e contou com a presença do Subchefe do Estado Maior da PMTO, Coronel Jefferson Nunes Alecrim, autoridades do Poder Executivo de Gurupi e região sul, do Poder Judiciário, do Ministério Público, da Secretaria de Segurança Pública, da Polícia Rodoviária Federal, entidades representativas, empresários e comunidade em geral.
Homenagem à Sra. Clyvia (d) e Sra. Nara Cristiane (e), esposas dos Cmts
O Comandante-Geral foi recepcionado no portal de acesso à Unidade com as honras militares e logo em seguida se dirigiu ao palanque, acompanhado pelas demais autoridades e os comandantes substituído e substituto, com respectivas esposas. O início da solenidade aconteceu com a apresentação da Guarda de Honra comandada pelo Capitão Renato Marques Lisboa e na sequência, todos os presentes cantaram o Hino Nacional Brasileiro sob os acordes da Banda de Música do 4º BPM.
Ten Cel Barbosa passando em revista à tropa
O ato posterior contou com a participação do Padre Lucas Fernando da Silva, que fez a leitura de um texto bíblico e proferiu a sua homilia em gratidão a Deus pelo trabalho do Tenente-Coronel Flávio, durante o tempo em que comandou o 4º BPM.
Coronel Jaizon durante o seu pronuciamento
Logo após houve a leitura da Portaria de dispensa do Tenente-Coronel Flávio do Comando do 4º BPM, a sua designação para a função de Subcomandante do Policiamento do Interior – CPI e também a referência elogiosa consignada pelo Comandante-Geral da Corporação pelo admirável trabalho prestado como Comandante do 4º BPM. No mesmo ato, o Tenente-Coronel Márcio Antônio Barbosa de Mendonça foi designado para o comando da UPM.
Guarda de Honra desfilando em continência ao novo Comandante da UPM
Ao fazer o seu discurso, o Tenente-Coronel Flávio externou a sua gratidão a Deus, à sua família, aos amigos, aos oficiais e praças que integram a equipe do 4º BPM, aos parceiros da PM, representados pelas instituições, órgãos, entidades públicas e privadas, segmentos sociais e à comunidade sul tocantinense pelo apoio e fortalecimento indispensavelmente as ações da Unidade no combate à violência e à criminalidade, que conforme destacou, esses esforços conjuntos resultaram na melhoria da segurança pública na região.
Viaturas posicionadas após o desfile militar
Presidido pelo Comandante-Geral, a transmissão de cargo aconteceu solenemente, oportunidade em que os comandantes substituído e substituto passou e recebeu, respectivamente, o comando da UPM, tendo ao final do ato se apresentado ao Coronel Jaizon Veras Barbosa. Em seguida, o novo Comandante, acompanhado do ex-comandante, passou em revista à tropa.
Durante a solenidade, as esposas dos comandantes sucedido e sucessor se homenagearam reciprocamente com um vaso de flores.
Descerramento da foto do Ten Cel Flávio - Galeria dos ex-comandantes
Em seu pronunciamento, o Comandante-Geral parabenizou o Tenente-Coronel Flávio pelo brilhante trabalho prestado durante o período em que comandou o 4º BPM, destacando a sua admirável atuação profissional e notória capacidade de enfrentamento das questões afetas à missão institucional. Destacou ainda, a nova missão para a qual foi designada, dada as suas habilidades profissionais.
Os atos finais do evento ocorreram com o desfile da tropa em continência ao Tenente-Coronel Barbosa, novo Comandante da Unidade e o descerramento da foto do Tenente-Coronel Flávio na Galeria dos Ex-Comandantes do 4º BPM.









Nenhum comentário :

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para nós!
Não serão permitidos comentários de qualquer natureza com apoio ao racismo, discriminação ou qualquer apologia a qualquer crime previsto em leis nacionais ou internacionais.
Se a finalidade do seu comentário é fazer qualquer tipo de denúncia, use a página "Contato e Denúncias".